Um dos mais concorridos concurso para a área de Segurança Pública já movimenta candidatos em todo país. Hora planejar-se e intensificar os estudos

30 de janeiro de 2017|Destaque|

17.01.31-em-breve-PRF (1)O concurso da Polícia Rodoviária Federal 2017 (PRF) é um dos que arrebatam milhares de candidatos rumo a uma vaga. Notícias dão conta de que a instituição fez novo pedido ao Ministério da Justiça devido à grande necessidade de pessoal. Desta vez, o pedido, que fora feito anteriormente, foi revisto com a solicitação de 1.300 vagas para o cargo de Policial Rodoviário Federal.

A remuneração inicial é de R$9.501,98, incluídos os benefícios. No entanto, em 2018 haverá reajuste para R$9.931,57 e em 2019 para R$10.357,88.

Veja todas as questões do último concurso da PRF comentadas pelos nossos professores

Com a comissão do concurso da  Polícia Rodoviária Federal 2017 já formada pela Portaria nº 2734/2016, esta é a hora de o candidato ao certame iniciar os seus estudos. Tendo em vista que da publicação do edital até a data da prova são aproximadamente 60 dias. Então, quanto mais cedo a preparação for inciada, em melhores condições de competição o candidato estará.

Assista a uma videoaula gratuita sobre Legislação de Trânsito

Necessidade urgente de contratação

De acordo com a Coordenação Geral de Recursos Humanos da PRF, hoje há um déficit de aproximadamente 2.500 policiais rodoviários federais. Além disso, ainda estão previstas  3.600 aposentarias para o fim deste ano.

Último Concurso

O último concurso da PRF foi em 2013 para preenchimento de 1.000 vagas. O certame foi organizado pelo CESPE/ UNB (atual Cebraspe). Ao todo, foram 109.769 inscritos com o resultado final e a homologação publicados no dia 23 de maio de 2014.

Veja o último edital esquematizado

Etapas do concurso

As avaliações foram feitas por meio de provas objetivas, provas discursivas, exame de capacidade física, avaliação de saúde, avaliação psicológica, investigação social e avaliação de títulos. Há ainda, para os aprovados nas etapas anteriores, o Curso de Formação Profissional, de caráter eliminatório e classificatório.

Provas Objetivas

A última prova para Policial Rodoviário Federal foram 120 questões objetivas sobre Língua Portuguesa, Matemática, Direito Constitucional, Direito Administrativo, Ética na Administração Pública, Noções de Informática, Direito Penal, Direito Processual Penal, Direito Ambiental, Legislação da PRF, Direitos Humanos, Legislação de Trânsito e Física.

Treine por uma questão comentada de Legislação Aplicada à PRF

Prova Discursiva

A prova discursiva consistiu na elaboração de texto dissertativo com, no máximo, 30 linhas, ou seja, uma redação. No entanto, a prova abordou sobre  o crime de contrabando, tipificado no art. 334 do Código Penal o que exigia do candidato conhecimento na área específica do tema. O edital já anunciava que, para essa prova, seria cobrado conhecimento acerca do conteúdo programático.

Teste Físico

Os candidatos que foram aprovados na prova discursiva e classificados até a 3.800ª posição, para os candidatos de ampla concorrência, e até a 200ª posição para os candidatos que se declararem pessoas com deficiência, de acordo com o edital, foram submetidos ao Teste de Aptidão Física, de caráter eliminatório. Essa prova visa avaliar a capacidade do candidato para suportar, física e organicamente, as exigências da prática de atividades físicas a que será submetido durante o Curso de Formação Profissional e para desempenhar as
tarefas típicas da categoria funcional.

Para não ser eliminado, o candidato deverá começar o treinamento junto com a preparação para as provas objetiva e discursiva para o concurso da Polícia Rodoviária Federal 2017. O condicionamento físico além de preparar o candidato para o TAF, ainda é capaz de ajudar na preparação intelectual, tendo em vista que treinamento físico é capaz de ajudar na absorção do conhecimento pelo cérebro.

Especialista em testes físicos para concursos fala da importância do treinamento

Como estudar para o concurso da Polícia Rodoviária Federal 2017

Em primeiro lugar, como o edital ainda não saiu, o ideal é estudar pelo último edital, intercalando teoria com resolução de questões. Aproveite que já esquematizamos todo o edital de 2013 para você se organizar quanto ao conteúdo estudado.

Organização Diária

Separe um tempo em sua agenda diária para organizar seu tempo e distribui-lo pelas disciplinas a serem estudadas todos os dias. O ideal é ter contato com todas as disciplinas durante a preparação. Por isso, preparamos duas tabelas especiais, em cima da última prova, para que você utilize-a como um norte para seus estudos. Você pode adaptar as tabelas de acordo com seu gosto e disponibilidade.

Fizemos apenas um modelo para você montar a sua. Essa organização é muito importante. Outro detalhe de suma importância é estudar apenas em cima da banca anterior. Caso a banca escolhida não seja o Cespe, quando essa notícia chegar você terá tempo para mudar a direção. E, de mais a mais, conhecimento adquirido nunca será dispensado, apenas adaptado.

Simulados

Lance mão também dos simulados, pelo menos uma vez por semana, pois eles são a ferramenta ideal para você medir o nível do seu conhecimento, treinar para controlar o tempo de prova e ajustar as suas dificuldades. Clique aqui e imprima o cartão-resposta que preparamos para você.

Então, mãos à obra e comece agora mesmo. Acompanhe abaixo as tabelas que preparamos para você.

Concurso da Polícia Rodoviária Federal 2017

Concurso da Polícia Rodoviária Federal 2017

Concurso da Polícia Rodoviária Federal 2017