Milhares de candidatos já se preparam para o concurso da Polícia Federal 2017, um dos mais concorridos. Remuneração acima de 11 mil para nível superior.

06 de março de 2017|Destaque|

concurso da Polícia Federal 2017Segundo notícias publicadas na imprensa, o concurso da Polícia Federal 2017 está autorizado pelo diretor-geral da PF, Leandro Daiello, na sexta-feira, 13 de janeiro de 2017.

A Polícia Federal tem autonomia para realizar seus concursos, desde que haja previsão orçamentária. Segundo informações do órgão, há a intenção de 1.200 vagas nos cargos de Agente e Escrivão sejam preenchidas. Estima-se remuneração para esses cargos acima de 11 mil reais.

Treine questões comentadas por professores da última prova

Há informações de que a instituição já encaminhou processo com a pretensão de concurso para agente e escrivão – além de delegado e perito, que já estavam na expectativa.

Último concurso de Agente e Escrivão

Em 2014, a instituição abriu 600 vagas para o cargo de Agente de Polícia Federal, que exigiu nível superior em qualquer área. Na época, a remuneração era de R$ 7.514,33.

Já para o cargo de Escrivão, em 2013 foram oferecidas 350 vagas com a mesma remuneração, ou seja, R$ 7.514,33.

Concurso para Delegado e Perito

Em 2013, o órgão abriu 150 vagas para Delegado, com remuneração de R$ 14.037,11,  e 100 vagas para Perito.

Próximo Concurso

De acordo com informações, o órgão espera preencher, com o concurso da Polícia Federal 2017, ao todo, 1.758 vagas, sendo 1.200 nos cargos de agente e escrivão, 600 em cada. No caso de delegado e perito, a previsão é oferecer 558 vagas, sendo 491 de delegado e 67 de perito.

Conteúdo

A última prova de Agente trouxe 12 disciplinas (língua portuguesa, noções de informática, atualidades, raciocínio lógico, noções de administração, noções de contabilidade, noções de economia, noções de direito penal, noções de direito processual penal, noções de direito administrativo, noções de direito constitucional, legislação especial).

E a prova para Escrivão, de 2013, trouxe 11 disciplinas cobradas incluindo arquivologia e retiram-se noções de contabilidade, noções de economia.

Para Agente, houve ainda, prova discursiva que consistia na elaboração de um texto dissertativo, ou seja, uma redação.

Como estudar para o concurso da Polícia Federal 2017

Muitos me perguntam: ‘quando será publicado o edital do concurso da Polícia Federal 2017? Porém, eu devolvo a pergunta a você: ‘quando você pretende começar a estudar? Pois a essa altura, já deveria estar engajado no seu projeto de vida! Isso mesmo concurso público é um Projeto de Vida, então tem de saber como estudar!

Independente do momento exato que será publicado o edital, você deve iniciar seu planejamento o mais rápido possível, pois antecedência é o que vai deixá-lo com as bases fortalecidas.

O concurso da Polícia Federal não é um certame fácil, pois requer um planejamento estratégico de estudos  com muito treinamento de questões e uma organização disciplinar que será elementar para a classificação.

Podemos encarar o concurso da PF como um projeto de vida com uma disciplina imprescindível a qual colocará o aluno à frente dos concorrentes.

Mas, o candidato ao concurso da Polícia Federal 2017 deve antecipar, também, o treinamento para a prova física. As outras etapas do certame são as avaliações médica e psicológica, a investigação social e o curso de formação profissional.

Edital Anterior

Analisar o edital anterior para o cargo é fundamental.  O último foi realizado pelo Cespe/Unb, uma banca sábia, astuciosa, inteligente.  Há de se ter muito cuidado, pois com ela não se brinca, não se arrisca. Se sabe marca, se não sabe, não marca.

Essa análise vai trazer uma ideia muito nítida do processo que envolve o concurso, pois atentar-se para alguns detalhes é de suma importância.

 Treinamento por Questões

Além de conhecimento nas disciplinas, que não são poucas, o candidato deve conhecer profundamente o estilo da banca que, se se mantiver o Cespe, é uma banca que deve ser levada em conta o domínio quanto ao seu perfil. E, isso é possível por meio de um intenso treinamento de questões.

Pelo Qconcursos.com você otimiza o seu treinamento por meio dos filtros específicos por disciplina e tópicos, o que facilitará  a sua vida.

Teste Físico

O Teste de Aptidão Física da Polícia Federal é um dos mais difíceis. De acordo com Elon Junior, professor especializado em TAF, no último concurso houve algumas mudanças nos índices e execução em algumas modalidades do Teste de Aptidão Física (TAF).

Elon lembra aos candidatos que de 2004 para 2009 os índices foram ajustados, aumentado o nível de dificuldade, em 2012 se mantiveram e neste ano (2014) mais uma mudança com a queda nos índices da natação e na forma de execução na prova de barra fixa para o sexo feminino.

Elon Junior aconselha que o candidato antecipe seu treinamento físico. “O período ideal gira em torno de 3 a 6 meses, mas cada caso é um caso, esse período poderá ser remodelado dependendo do nível de condicionamento do aluno, tempo para treinar e histórico na pratica da atividade física.

Acompanhe as dicas e análise do último edital da PF pelo professor em uma artigo especial.

Então, mãos à obra, pois o Qconcursos.com está com você nessa empreitada importante da sua vida!

Rumo à aprovação!

Cláudia Jones, jornalista do portal Qconcursos.com